Arquidiocese de São Salvador da Bahia realiza missa de envio dos novos agentes da PCr

 Em Igreja em Saída, Notícias

Na última quarta-feira (18), às 14h, a Igreja da Sagrada Família, na Cúria Metropolitana da Arquidiocese de São Salvador da Bahia,  celebrou a missa de envio dos novos agentes para a Pastoral Carcerária.

A missa foi presidida pelo bispo auxiliar da arquidiocese, Dom Marco Eugênio Galrão Leite de Almeida, concelebrada pelo coordenador arquidiocesano da pastoral, Padre Philippe Dominique Marie Le Puil, pelo presidente da ASA (Ação Social Arquidiocesana), Diácono Itamar Mendes Souza Filho e pelo Diácono Edson França, agente da pastoral.

Estavam presentes os novos enviados, familiares, amigos e demais agentes da Pastoral Carcerária. Em meio à celebração da missa, o coordenador da Pastoral Carcerária, Pe. Philippe Dominique, introduziu após a leitura do evangelho um ritual de compromisso para os novos agentes, onde, de forma dinâmica em forma de uma entrevista pública, impeliu em meio aos novos agentes o compromisso da missão de ser um evangelizador dentro do cárcere.

Logo após, o bispo Dom Marco Eugênio prosseguiu a celebração com a homilia, apresentando a importância do serviço que esta pastoral convida, os desafios enfrentados pelos seus agentes e intitulando a Pastoral Carcerária como a pastoral da misericórdia, que sob o anúncio de Jesus, “Estive preso e foste me visitar” (Mateus 25), se imbui de amor e misericórdia para ser para cada interno do sistema prisional esperança, consolo, alívio e presença de Jesus, que na verdade é Ele mesmo sendo visitado.
A celebração teve continuidade com os ritos eucarísticos como de costume. Após a sagrada comunhão, oração e coleta, Dom Marco Eugênio convidou novamente os novos agentes  para o ritual de envio, adornando-lhes com um cordão Tau de madeira, apresentando-lhes o certificado de participação do curso de capacitação, tudo isso em meio a um solene silêncio da assembléia, acolhendo os novos servos da pastoral.

Por conseguinte, o Sr. Elias Santos Nogueira, articulador da Pastoral Carcerária da Arquidiocese de São Salvador, prosseguiu a celebração com um breve agradecimento a todos os envolvidos na logística de preparação dessa missa solene, bem como o presidente da celebração,  os co-celebrantes, o coordenador da pastoral, os agentes enviados e todos os presentes em torno do altar na celebração eucarística.

Assim, a missa de envio chegou ao término com a bênção final invocada pelo Bispo Dom Marco Eugênio, convidando a todos os presentes para uma solene recepção ao lado da igreja, a fim de festejar esse momento de tão grande alegria para a igreja particular da Arquidiocese de São Salvador da Bahia.

Por Elias Santos Nogueira

Articulador da Pastoral Carcerária de Salvador

DEIXE UM COMENTÁRIO