Assembleia Nacional da Pastoral Carcerária debate os rumos da entidade

 Em Igreja em Saída, Notícias

Foi realizado no último fim de semana de novembro a Assembleia Nacional da Pastoral Carcerária, em Brasília. 

O evento contou com a presença de 32 pessoas; além da coordenação nacional e seus assessores, representantes de 23 Estados marcaram presença, assim como o Bispo Referencial da Pastoral Carcerária Nacional, Dom Henrique Aparecido de Lima, e Dom Philip Eduard Roger Dickmans, Bispo Referencial das Pastorais Sociais da CNBB Regional Norte 3. 

A assembleia também contou com a assessoria do Irmão Silvio da Silva, secretário executivo da CNBB Oeste 1, que facilitou o diálogo entre os participantes. 

Foram debatidos diversos temas relacionados à organização interna da PCr, como temas que dizem respeito ao cárcere no geral. Foram feitas alterações no regimento interno da Pastoral Carcerária Nacional, que regulamenta a organização da entidade como o todo. 

Os membros da coordenação nacional trouxeram temas importantes para o debate na Assembleia: o Padre Almir Ramos, vice coordenador da PCr Nacional, falou sobre a questão da saúde dos/as agentes da Pastoral Carcerária e da saúde no cárcere como uma prioridade da Pastoral Carcerária Nacional, diante das inúmeras enfermidades que habitam estruturalmente as unidades prisionais do país e da pandemia do coronavírus, que assolou o cárcere e a sociedade.

A situação da mulher encarcerada é historicamente uma prioridade da Pastoral Carcerária, por isso as especificidades da violência sofrida por elas, com a facilitação de Rosilda Ribeiro, coordenadora da PCr para a questão da mulher encarcerada, foi um ponto importante de discussão. 

Também houve momentos de mística, celebração e confraternização, como uma procissão de homenagem ao ao Patrono São José, seguindo a declaração do Papa Francisco, e à Nossa Senhora Aparecida. 

No último dia, a CNBB se fez presente para agradecer e animar o trabalho da Pastoral Carcerária Nacional, na presença do assessor da Comissão Episcopal Pastoral para a Ação Social Transformadora, Frei Olavio Dotto.

A Irmã Petra Silvia Pfaller, coordenadora nacional da PCr, encerrou a assembleia, agradecendo a todos os presentes pela participação e partilhas, e pela colaboração da equipe nacional. Desejou um bom retorno a todos e, com a benção de D. Henrique, os agentes retornaram para seus estados, com a esperança renovada na missão por um mundo sem cárceres.

DEIXE UM COMENTÁRIO