Familiares dos presos em Manaus realizam protesto no complexo prisional

 Em Combate e Prevenção à Tortura, Notícias

Nesta segunda-feira (10), familiares relizaram um protesto na entrada do complexo prisional em Manaus. 55 pessoas foram mortas no complexo nos dias 26 e 27 de maio. A equipe local da pastoral também esteve presente, ao lado dos familiares.

As familiares levantavam cartazes com dizeres como “chega de tratarem os internos como bichos”, “merecemos respeito, humilhação não, e “queremos paz, menos tortura”, revelando as péssimas condições e violações de direitos nas prisões do Estado, que levaram às mortes.

De acordo com o Padre João Poli, coordenador estadual do Amazonas, ”

Para nós como pastoral foram encontros bons”. Ele avalia que essas ações e articulação das familiares podem ser o início de alguma forma de organização, para que essas mortes não sejam esquecidas. “Com certeza são coisas pequenas que podem germinar e dar frutos interessantes”.

O protesto aconteceu por conta da visista do Ministro da Justiça, Sergio Moro, ao Compaj.

DEIXE UM COMENTÁRIO