Nota pública da Pastoral Carcerária sobre as conferências da Defensoria Pública de São Paulo