Seminário ‘Justiça e Direito Igual para Todos’ acontece no sábado, dia 31

 Em Notícias

Com o foco de refletir sobre a democratização e o acesso ao Sistema Judiciário brasileiro, a Coordenação Pastoral para o Serviço da Caridade, Justiça e Paz da Arquidiocese de São Paulo realiza no sábado, 31 de agosto, das 9h às 16h, no Centro Pastoral São José (Avenida Álvaro Ramos, 366, próximo à estação Belém do metrô), o seminário “Justiça e Direito Igual para Todos”.
A partir de reflexões de facilitadores, entre os quais, já confirmados, o cardeal dom Odilo Pedro Scherer, arcebispo de São Paulo, e a defensora pública Luciana Zaffalon, serão tratados aspectos sobre o que é a Justiça no Brasil, canais de acesso e caminhos para democratização do Judiciário, e o perfil das decisões da Justiça no Brasil.
Com base nas reflexões realizadas, os participantes do encontro, elaborarão, em grupos temáticos, análises críticas sobre o Sistema Judiciário, também levando em conta os engajamentos pastorais e sociais em que estão envolvidos, a recorrente criminalização das pessoas mais pobres, bem como a proposta de uma Justiça Restaurativa.
De acordo com Marcelo Naves, agente da Pastoral Carcerária de São Paulo, o debate sobre o Sistema Penitenciário Brasileiro é urgente. “Especialmente quando queremos criar diferentes formas da democratização dos espaços de justiça que estejam muito além da prisão, do encarceramento massivo, da intolerância do Estado para com os pobres e da criminalização das lutas e movimentos sociais. O seminário, portanto, visa a pensar formas novas de resolução de conflitos que não sejam relacionadas com a vingança, mas sim com o perdão”, analisa.
Em carta-convite para o evento, dom Milton Kenan Júnior, bispo auxiliar da Arquidiocese de São Paulo e referencial do Serviço da Caridade, Justiça e Paz, comentou que as “estruturas sociais, políticas e econômicas orientadas pela justiça e pela fraternidade são necessárias para a promoção da vida, da dignidade, das alegrias e das esperanças dos homens e das mulheres”.
Os interessados em participar do Seminário ainda podem ser inscrever pelo e-mail justicaedireitoigualparatodos@gmail.com. Outras informações pelo telefone (11) 3151-4272, na secretaria da Pastoral Carcerária de São Paulo.

DEIXE UM COMENTÁRIO