Connection Information

To perform the requested action, WordPress needs to access your web server. Please enter your FTP credentials to proceed. If you do not remember your credentials, you should contact your web host.

Connection Type

Revistas íntimas em visitantes nos presídios está proibida em Recife (PE)

 em Notícias

Revista_intimaOs visitantes de presídios e unidades penitenciárias da Grande Recife, em Pernambuco, não precisam mais passar por revista íntima, conforme decisão do juiz Luiz Rocha, da 1ª Vara de Execuções Penais, em vigor desde 5 de maio.

Na portaria em que proíbe as revistas, publicada em 2 de maio, o juiz justifica a decisão com base em uma pesquisa da Rede de Justiça Criminal, que mostra que em apenas 0,03% das revistas realizadas entre 2010 e 2013 nos presídios paulistas houve tentativa de se levar drogas ou celulares aos detentos.

Segundo Luiz da Rocha, “das 4.417 apreensões de droga, 354 (8%) foram realizadas nas revistas. Sobre os celulares (ou equipamentos como chips e baterias), dos 13.228 encontrados nas prisões, 439 (menos de 4%) estavam na posse de visitantes”.

A decisão é provisória, de maneira que órgãos como a Secretaria de Desenvolvimento Social e Direitos Humanos, a Ordem dos Advogados do Brasil (OAB), a Secretaria de Ressocialização e entidades civis têm até 30 dias para enviar um parecer sobre o caso. Depois, o juiz pode rever a decisão ou torná-la definitiva.

Segundo a Secretaria de Ressocialização, que mantém o sistema carcerário em Pernambuco, já havia uma determinação para que não houvesse revistas íntimas nos presídios. Caso as revistas íntimas sejam feitas, os agentes responsáveis estarão sujeitos a partir de agora a sanções administrativas e penais.

Vale ressaltar que tramita no Congresso o projeto de lei nº 480/2013, que quer pôr fim às revistas íntimas. O texto argumenta que a humilhação sofrida pelos visitantes não se justifica diante do número de apreensões de drogas, celulares e outros objetos ilícitos.

 

CLIQUE E LEIA A REPORTAGEM NA FOLHA DE S.PAULO

 

 

Recommended Posts

Deixe um comentário