Nota da PCr sobre Ação Penal 470 é lida no plenário da Câmara

 Em Notícias

plenario_camaraNa sessão da Câmara dos Deputados Federais, em 22 de maio, o deputado Renato Simões (PT-SP) leu em plenário a nota da Pastoral Carcerária – “Estamos onde sempre estivemos” – pela qual a Pastoral, em 15 de maio, se posicionou sobre as reivindicações dos presos do “Mensalão” e as decisões do ministro Joaquim Barbosa, presidente do Supremo Tribunal Federal (STF), na Ação Penal 470, popular conhecida com episódio do “Mensalão”.
O deputado pontuou que “enquanto se acumulam as irregularidades no Supremo Tribunal Federal, particularmente do Ministro Joaquim Barbosa, em relação à execução penal dos condenados pela AP nº 470, a Pastoral Carcerária Nacional divulgou uma nota extremamente importante”.
O legislador também indicou que “essa situação vivida hoje pelos nossos companheiros é useira e vezeira nos cárceres brasileiros”.
A nota da Pastoral Carcerária também foi transcrita na íntegra no site da Câmara e o pronunciamento do deputado foi transmitido ao vivo pela TV Câmara e o áudio do seu discurso foi divulgado pela Voz do Brasil e pela Rádio Câmara.
ACESSE A ÍNTEGRA DA NOTA DA PCr NACIONAL

DEIXE UM COMENTÁRIO