Enem: inscrições de pessoas privadas de liberdade seguem até 30 de outubro

 Em Notícias

Enem_presosO prazo de inscrições no Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) para pessoas privadas de liberdade segue até o dia 30 de outubro.
As provas serão aplicadas nos dias 9 e 10 de dezembro nos presídios e nas unidades de internação, no caso dos jovens que cumprem medidas socioeducativas. As questões serão diferentes do Enem realizado para outros estudantes do país, em 8 e 9 de novembro.
Os coordenadores pedagógicos das unidades de privação de liberdade são os responsáveis pelas inscrições. Participam do exame os presos e internos de unidades que firmaram termo de compromisso com o Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais (Inep).
No primeiro dia de prova, os participantes terão quatro horas e meia para responder às questões de ciências humanas e suas tecnologias e de ciências da natureza e suas tecnologias. No segundo dia, eles terão uma hora a mais de exame, que abordará as linguagens, os códigos e suas tecnologias, redação e matemática. A aplicação das provas começa às 13h.
No ano passado, o Enem para pessoas privadas de liberdade teve 30 mil inscritos, número 28% superior ao registrado em 2012.
Conforme dados do Inep, em 2013, a maior parte dos inscritos, 23.405, realizou a prova para obter a certificação do ensino médio. Já outros candidatos prestaram o exame para ingressar no ensino superior público pelo Sistema de Seleção Unificada (Sisu); no particular, com as bolsas do Programa Universidade para Todos (ProUni); e no técnico, pelo Sistema de Seleção Unificada da Educação Profissional e Tecnológica (Sisutec).

DEIXE UM COMENTÁRIO