Connection Information

To perform the requested action, WordPress needs to access your web server. Please enter your FTP credentials to proceed. If you do not remember your credentials, you should contact your web host.

Connection Type

No CDP de Pinheiros, o Filho de Deus nasce junto aos encarcerados

 em Igreja em Saída

0801 Missa CDP Pinheiros (1)Pessoas presas, agentes penitenciários e diretores do Centro de Detenção Provisória (CDP II), de Pinheiros, na zona oeste da capital, participaram, em 22 de dezembro, da missa de Natal presidida por Dom Julio Endi Akamine, bispo auxiliar da Arquidiocese de São Paulo.

Dom Julio, na homilia, lembrou que no Natal se celebra o nascimento do Filho de Deus, que veio ao encontro da humanidade como uma criança, tendo um pai e uma mãe. O Bispo recordou que Maria pôs toda a confiança em Deus, aceitando ser a mãe do Cristo, e destacou, ainda, que os merecimentos de cada pessoa diante de Deus não são medidos pelas qualidades que possua, mas pelo amor dedicado e pelo esforço para seguir Jesus.

Para Guilherme Silveira Rodrigues, atual diretor do CDP II, a ação da Igreja nas unidades prisionais proporciona a integração entre a família, trabalho e religião, o que colabora para a disciplina e a ressocialização dos detentos. Ele citou a fé dos presos que construíram a gruta de oração Santa Bárbara e Nossa Senhora Aparecida. Eliane de Souza, diretora técnica de saúde do CDP II, ressaltou que as celebrações religiosas na unidade prisional permitem que cada detento reflita e tenha um encontro com Deus.

A celebração de Natal do CDP II de Pinheiros foi articulada pela Pastoral Carcerária e pela Região Episcopal Lapa da Arquidiocese de São Paulo. Entre os participantes da celebração estiveram os agentes da Pastoral Pedro Rivellino Lourenzo, da Diocese de Santo Amaro, e Anderson José da Silva, da cidade de Diadema; o diácono André Iasz Filho; além dos padres concelebrantes Valdir João Silveira, coordenador nacional da Pastoral Carcerária; e Jorge Pierozan (Rocha), Antonio Francisco Ribeiro e Daniel Koo, do clero atuante na Região Lapa.

 

Fonte: Jornal O São Paulo/Benigno Naveira

FAÇA PARTE DA PASTORAL CARCERÁRIA

Recommended Posts

Deixe um comentário